12 de Novembro de 2019 | Quinzenário Regional | Diário Online
PUBLICIDADE

Penela: Requalificação da Louçainha contempla alojamento no local

3 de Julho 2019

A praia fluvial da Louçainha, na freguesia do Espinhal, vai ser alvo de uma intervenção de requalificação, a rondar os 400.000 euros, incidindo esta no alargamento da zona balnear, reabilitação dos espaços de balneários e restauração, e a criação de alojamento local, revelou o presidente da Câmara de Penela, à margem da cerimónia de hastear das bandeiras Azul e Praia Acessível, que se realizou hoje.

“Estamos a fazer o projecto e temos a expectativa que no próximo ano já possamos estar na fase de obra”, adiantou Luís Matias, particularizando que a intervenção será faseada e passa “pelas infra-estruturas do restaurante, balneários, fluvioteca, alargamento da zona balnear, porque é preciso criar mais espaço para os veraneantes, mais zonas de lazer e a criação de alojamento local com bungalows”.

Para já, ainda com a “cara” que lhe tem granjeado elogios, a praia fluvial viu ser içado novamente o símbolo da qualidade, demonstrativo daquilo que é “a excelência da Louçainha, não só do ponto de vista da qualidade da água, mas também de todo o espaço e de todos os serviços que temos de garantir para ter o galardão Bandeira Azul”, refere o autarca.

“Este galardão é um reconhecimento daquilo que é, por um lado, as excelentes qualidades ambientais do espaço e, por outro, das melhorias que temos feito do ponto de vista de serviços e infra-estruturas na praia fluvial, porque fazemos um esforço grande para manter, e melhorar, na medida do possível, os indicadores para satisfação daqueles que escolhem o nosso território para passar bons momentos, particularmente no Verão”, salienta Luís Matias.

O presidente da Câmara de Penela lembra que “é muito, muito difícil manter a qualidade da água nas praias interiores, sujeita a um conjunto de variáveis que não são controláveis, e isso obriga-nos a ter mais cuidado na limpeza das linhas de água e na limpeza e manutenção das próprias piscinas”.

Desejando um Verão “sem grandes incidências do ponto de vista da Protecção Civil”, porque os incêndios afectam “o ambiente de segurança que pretendemos criar à volta das nossas aldeias para que as pessoas se sintam confortáveis e desfrutem daquilo que são as nossas riquezas paisagísticas ecológicas, ambientais, e todo o nosso património cultural, material e imaterial”, Luís Matias tem a expectativa de muitas visitas à Louçainha, um dos pontos da região “altamente recomendado”.

Depois de um ano de interregno, a praia fluvial da freguesia do Espinhal voltou a içar, pelo segundo ano consecutivo, a Bandeira Azul, e isso “chama muitas pessoas”, afirma o presidente da Junta, Luís Dias, para quem a Louçainha é “um ponto de referência muito importante a nível turístico”, com “bastante crescimento” do número de visitantes, “um espaço muito bonito e acolhedor, com uma oferta de qualidade”.

“A Bandeira Azul é um símbolo e quando há símbolos que marcam, as pessoas aderem e tem mais impacto”, frisa o autarca.

 LUÍS CARLOS MELO


  • Director: Lino Vinhal
  • Director-Adjunto: Luís Carlos Melo

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Armazém D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Site optimizado para as versões do Internet Explorer iguais ou superiores a 9, Google Chrome e Firefox

Powered by DIGITAL RM

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com