13 de Junho de 2024 | Quinzenário Regional | Diário Online
PUBLICIDADE

Pombal: Festival Pombalino, a 25 e 26 de Maio, desmistifica papel da mulher na época barroca

19 de Maio 2024

As ‘Mulheres no Pombalismo’ são o grande foco para a edição deste ano do Festival Pombalino, que se realiza a 25 e 26 de Maio na Praça Marquês de Pombal. “A ideia é desmistificar e mostrar que já na época barroca, e ao contrário do que se possa pensar, havia mulheres de grande influência e com grande poder na sociedade”, revela Cidália Botas, coordenadora do Museu Municipal Marquês de Pombal.

A iniciativa decorre no âmbito do “Maio Mês do Marquês”, que assinala as datas do nascimento (13 de Maio de 1699) e morte (08 de Maio de 1782) de Sebastião José de Carvalho e Melo e o Dia Internacional dos Museus com um conjunto de actividades que inclui a recriação de ambientes, festas e feiras do século XVIII. Haverá ainda espaço para a apresentação de diferentes géneros de exibições teatrais, cortejo histórico e arruada, vestuário da época, cenas da vida quotidiana, espectáculos de música e dança próprias da época barroca, de natureza popular e erudita, concerto barroco, e jogos populares.

Desta forma, saltimbancos, dançarinos, músicos, artífices, artesãos, mercadores, regatões e taberneiros vão ocupar a Praça Marquês de Pombal, no último fim-de-semana de Maio com o evento a representar uma verdadeira viagem no tempo, onde o objectivo passa por recordar os tempos do Marquês de Pombal

No âmbito do Festival Pombalino, decorre igualmente o Festival de Estátuas Vivas Barrocas, onde 14 figurinos, dispostos ao longo das ruas da zona histórica da cidade, entre as 16h00 e as 19h00, recriam personagens ligadas ao Período Pombalino, e onde “as mulheres vão ter grande destaque, ainda que estejam também representados alguns homens, muito importante para a ascensão destas”.

Mais do que um evento lúdico, a autarquia liderada por Pedro Pimpão pretende que ‘Maio Mês do Marquês’ seja um evento cultural e que transmita conteúdo de cariz educativo e cultural.

Museu de Arte estreia visita performativa

À semelhança do que já vem a acontecer no vizinho Museu Marquês de Pombal, que apresenta frequentemente visitas performativas, também o Museu de Arte Popular Portuguesa se prepara para estrear uma iniciativa do mesmo género, pensada ao detalhe e que “pretende ser mais um motivo de atracção diferenciadora”. A visita performativa estreia já amanhã (18), pelas 17h30. De acordo com a responsável, “prevê-se que até ao final do ano sejam agendadas mais duas datas”.

ANA LAURA DUARTE

[NOTÍCIA DA EDIÇÃO IMPRESSA]


  • Director: Lino Vinhal
  • Director-Adjunto: Luís Carlos Melo

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Armazém D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Site optimizado para as versões do Internet Explorer iguais ou superiores a 9, Google Chrome e Firefox

Powered by DIGITAL RM