22 de Abril de 2024 | Quinzenário Regional | Diário Online
PUBLICIDADE

Pombal: Programa de apoio ao arrendamento jovem beneficia 20 agregados familiares

2 de Março 2024

A primeira edição do Programa Municipal de Apoio ao Arrendamento Jovem de Pombal vai beneficiar 20 agregados familiares, revelou Pedro Pimpão, presidente da Câmara, à agência Lusa.

“De todas as candidaturas submetidas, vamos apoiar 20 agregados jovens, o que para mim é muitíssimo relevante, porque já dá este sinal que nós queríamos de apoiar os jovens nesta fase importante das suas vidas”, afirmou o autarca

Segundo Pedro Pimpão, esta primeira edição, cujas candidaturas decorreram no final de 2023, tem um investimento calculado para os próximos três anos “a rondar os 101.000 euros”.

Pedro Pimpão esclareceu que houve mais 12 candidaturas ao programa, denominado “Vive Pombal”, mas foram excluídas por não cumprirem critérios do regulamento.

Este programa visa a atribuição de um incentivo ao arrendamento, por jovens, de habitações para residência permanente, mediante a concessão de uma subvenção mensal pelo período de um ano, renovável por igual período, até ao máximo de três anos consecutivos, sendo que a autarquia apoia até 50% do valor das rendas dos jovens que se candidatem e cumpram os requisitos que o documento estabelece.

“Os beneficiários são jovens com idade igual ou superior a 18 anos e igual ou inferior a 35 anos, e, no caso de se tratar de um casal, um dos elementos pode ter até 37 anos”, adiantou o município, explicando que os jovens devem residir em imóvel arrendado ou pretender arrendar um imóvel para habitação própria permanente em todo o concelho de Pombal.

Segundo a Câmara, o agregado jovem integra o conjunto de pessoas que vivem em comunhão de mesa e habitação, formado por um ou mais jovens ou por um casal de jovens e os seus dependentes, assim considerando os filhos e enteados, menores emancipados, menores sob tutela e os irmãos, maiores ou menores emancipados, que não aufiram de qualquer rendimento.

“Entendemos que, num momento tão delicado como o que o país vive, em que temos de dar respostas aos jovens no acesso à habitação, vamos tentar que ainda este ano, antes do final do ano, possamos abrir uma nova edição, até porque continuamos a ter também a disponibilidade orçamental para o efeito”, referiu, salientando que fixar jovens no concelho é uma prioridade.

De acordo com o autarca, a Câmara está muito focada “em apoiar os jovens a implementar os seus projectos de vida no concelho de Pombal”, considerando que “o acesso à habitação e, no caso em concreto, ao arrendamento, é o mecanismo mais próximo” de os fixar.

“Sendo uma opção estratégica, queremos antes do final do ano avançar já com uma segunda edição deste programa”, assegurou o presidente do município.

[NOTÍCIA DA EDIÇÃO IMPRESSA]


  • Director: Lino Vinhal
  • Director-Adjunto: Luís Carlos Melo

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Armazém D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Site optimizado para as versões do Internet Explorer iguais ou superiores a 9, Google Chrome e Firefox

Powered by DIGITAL RM