14 de Julho de 2024 | Quinzenário Regional | Diário Online
PUBLICIDADE

Homem é julgado em Coimbra por suspeita de se apoderar de fundos de 11 condomínios

19 de Setembro 2023

Um homem de 70 anos, que era gerente de uma empresa que fazia administração de condomínios, vai ser julgado em Coimbra por suspeita de se apoderar dos fundos dos condomínios de 11 prédios, num total de 88 mil euros.

O arguido, acusado de 11 crimes de abuso de confiança, vai começar a ser julgado a 28 de Setembro, no Tribunal de Coimbra.

Segundo a acusação a que a agência Lusa teve acesso, o administrador, que era sócio-gerente de uma empresa com sede em Coimbra, administrava condomínios de 11 prédios (nove em Coimbra, um em Condeixa e um em Vila Nova de Poiares).

Aproveitando-se da circunstância de exercer a administração dos condomínios, o arguido ter-se-á apoderado de quantias monetárias pertencentes aos mesmos, entre 2016 e 2018, nomeadamente contas poupança, fundos de reserva e quotas das fracções que eram depositadas, refere o Ministério Público.

O valor subtraído de cada condomínio identificado pelo Ministério Público foi bastante variado, indo de 1.400 euros até 29.000 euros.

O administrador ter-se-á apropriado de um total de 88 mil euros.

“O arguido não se coibiu de fazer suas as quantias referidas […] e as gastar em benefício próprio, agindo contra a vontade e sem autorização dos condóminos dos prédios supra-referidos”, salientou.

Na acusação, o Ministério Público nota ainda que, até Janeiro de 2023, o arguido ainda não tinha devolvido as quantias em causa.

Lusa


  • Director: Lino Vinhal
  • Director-Adjunto: Luís Carlos Melo

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Armazém D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Site optimizado para as versões do Internet Explorer iguais ou superiores a 9, Google Chrome e Firefox

Powered by DIGITAL RM