12 de Julho de 2024 | Quinzenário Regional | Diário Online
PUBLICIDADE

Como baixar o valor da sua prestação mensal com o crédito consolidado?

3 de Novembro 2022

Quando o pagamento das prestações mensais dos créditos que tem contraídos começam a estrangular o seu orçamento familiar, é altura de parar e procurar uma solução que lhe permita viver com outro desafogo financeiro.

A solução mais procurada nestes casos dá pelo nome de crédito consolidado.

Apesar de carregar “crédito” no nome, este não é um crédito como os outros, uma vez que uma das suas virtudes é a de, precisamente, permitir que junte os vários créditos e prestações mensais que tem de pagar num só.

A consolidação de créditos, assim se chama esta operação, vai resultar numa única prestação mensal com uma taxa de juro mais baixa que a média de todos os créditos que possuía e que será paga a apenas uma única instituição de crédito.

Na prática, esta solução de financiamento fará com que a sua taxa de esforço (Encargos financeiros com as prestações de crédito / Rendimento Líquido Total do Agregado x 100) baixe para uma percentagem que não ultrapasse os 50% que são o valor de referência estipulado pelo Banco de Portugal para determinar o risco de incumprimento, aumentando, desta forma, a liquidez da família ao longo do mês.

Assim que um pedido de crédito consolidado é aprovado, a instituição salda todos os créditos anteriores que o consumidor tenha contraído e deposita (caso tenha pedido um valor mais elevado do que a sua divida) o restante na conta sua bancária.

Porém, para melhor perceber como um crédito consolidado pode ajudar a sua saúde financeira, veja o caso do casal Pedro e Inês.

Pedido de Crédito Consolidado – Caso Prático

No total, este casal tem um rendimento líquido mensal de 2800 euros que têm de servir para cobrir as despesas com créditos contraídos anteriormente que rondam os 1700 euros mensais para um total acumulado de 50 mil euros.

Calculada a taxa de esforço do casal, obtemos uma percentagem de 60,7%, muito acima do estabelecido como “saudável” pelo Banco de Portugal.

Como o risco de incumprimento é real, o nosso casal opta por procurar uma solução de crédito consolidado online.

Entre as várias opções resultantes da pesquisa online, o Pedro e a Inês decidem escolher a solução de crédito consolidado do UNIBANCO.

Na página de crédito consolidado desta marca pertencente à UNICRE – Instituição Financeira de Crédito, o casal encontra imediatamente um simulador que lhes vai permitir calcular o valor da prestação única que vai ficar a pagar e que podem variar entre os 5 mil e os 75 mil euros para prazos de pagamento de 24 a 84 meses.

Como o objetivo é pedir um crédito consolidado de 50 mil euros e pagá-los num prazo de 84 meses, o simulador dá-lhes uma prestação mensal de 866,35 euros.

Quando aplicamos este valor à taxa de esforço o casal, verificamos que este faz com que a taxa baixe para os 30,9%.

A simulação apresentada diz respeito a um financiamento de €50.000 a pagar em 84 mensalidades de €866,35. TAN 10,950% e TAEG 13,0%. MTIC €74.094,24.

Outras vantagens do Crédito Consolidado

Juntar todas as prestações mensais decorrentes de créditos numa só, com uma taxa de juro mais baixo e perante uma só instituição fazendo com que a sua taxa de esforço baixe e a sua liquidez mensal aumente é, sem sombra de dúvidas, a grande vantagem do crédito consolidado, mas não a única.

Se o casal do nosso exemplo prático quisesse pedir 60 ou 75 mil euros em vez dos 50 mil que apenas serviram para saldar as dívidas anteriores, podia fazê-lo.

No âmbito do processo de consolidação de créditos, é possível pedir mais do que necessita para pagar as dívidas decorrentes dos créditos anteriores, quer seja para, simplesmente, aforrar ou utilizar na satisfação de uma necessidade.

À possibilidade de financiamento extra, o crédito consolidado proporciona-lhe uma maior simplicidade no controlo dos seus gastos.

Isto, porque apenas pagará uma prestação perante uma única instituição ao invés dos múltiplos extratos, datas de pagamento e entidades com que tinha de lidar anteriormente.

Por último, ainda que seja uma solução financeira relativamente complexa, a sua aprovação é bastante rápida podendo receber luz verde a um pedido de crédito consolidado em alguns dias úteis.


  • Director: Lino Vinhal
  • Director-Adjunto: Luís Carlos Melo

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Armazém D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Site optimizado para as versões do Internet Explorer iguais ou superiores a 9, Google Chrome e Firefox

Powered by DIGITAL RM