16 de Abril de 2024 | Quinzenário Regional | Diário Online
PUBLICIDADE

Candidata Célia Freire (PSD) quer Ansião fora da APIN

7 de Agosto 2021

Caso seja eleita presidente da Câmara de Ansião a 26 de Setembro, a social-democrata Célia Freire promete “estudar as reais condições para a saída do município da APIN”, a empresa intermunicipal de gestão e operação dos serviços de água, saneamento e resíduos urbanos.

“O município [de Ansião] tem, como sempre teve, capacidade para voltar a assumir a gestão e exploração desses serviços”, defendeu a vereadora da oposição na apresentação dos candidatos do PSD às próximas eleições autárquicas, realizada no passado dia 31 de Julho.

Célia Freire preconiza “um concelho melhor, mais desenvolvido, mais atractivo e mais sustentável, um concelho preparado para o presente e para o futuro”.

Por entre críticas à gestão socialista dos últimos quatro anos, a candidata pretende a “rápida execução” das obras de ampliação do Parque Empresarial do Camporês e coloca a requalificação do IC8 como prioridade.

A social-democrata aludiu ainda à perda de população no concelho, sinalizada nos últimos Censos, e afirma ser necessário “inverter” a tendência, sublinhando ir empenhar-se em propostas que “melhorem a qualidade de vida dos ansianenses” e levem à fixação de pessoas e de empresas e à criação de postos de trabalho.

Na sessão que decorreu no Parque Verde do Nabão, Célia Freire adiantou ainda como propostas a construção de uma piscina descoberta na sede de concelho, a requalificação do Centro Cultural de Ansião e a valorização do património romano.

A candidata garante “um programa eleitoral sem falsas promessas, mas com a ambição de concretizar os melhores projectos para o concelho”. “Queremos que Ansião seja um concelho moderno, que saiba acompanhar a nova era tecnológica e as oportunidades do novo quadro comunitário de apoio”, destacou.

O cabeça-de-lista do PSD à Assembleia Municipal, Rui Rocha, desafiou “os ansianenses a reverem o programa eleitoral do PS sufragado em 2017 e a analisarem o seu grau de execução”. Salientando que as suas palavras “nada têm a ver com estados de alma do resultado de há quatro anos”, o ex-presidente da Câmara afirma que pela avaliação que faz da liderança socialista “o futuro de Ansião não está a ser salvaguardado”.

O também líder da Distrital social-democrata de Leiria considera que a sua “experiência e conhecimento podem ser úteis para o concelho, enquanto presidente da Assembleia Municipal”.

(Na foto, a vice-presidente nacional do PSD e deputada, Isaura Morais [à esquerda], junto a Célia Freire e Rui Rocha, marcou presença na apresentação dos candidatos do partido em Ansião)

[NOTÍCIA DA EDIÇÃO IMPRESSA]


  • Director: Lino Vinhal
  • Director-Adjunto: Luís Carlos Melo

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Armazém D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Site optimizado para as versões do Internet Explorer iguais ou superiores a 9, Google Chrome e Firefox

Powered by DIGITAL RM