22 de Abril de 2024 | Quinzenário Regional | Diário Online
PUBLICIDADE

Censos 2021: Sicó perdeu 8% da população numa década

28 de Julho 2021

O território das Terras de Sicó tem 108.477 residentes, menos 9.453 do que em 2011, segundos os resultados preliminares dos censos 2021, hoje divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). Trata-se de uma quebra de 8%.

Todos os seis concelhos perderam residentes, sendo a quebra mais acentuada em Alvaiázere (menos 14,5%, para 6.227 residentes), seguido de Ansião (menos 11,2%, para 11.632) e Soure (menos 10,3%, para 17.264).

A menor queda de habitantes regista-se em Condeixa (menos 2%, para 16.733 residentes), seguida de Pombal (menos 7,4%, para 51.178) e Penela (menos 9%, para 5.443).

Os dados do INE mostram igualmente que Sicó registou uma ligeira diminuição do número de edifícios e de alojamentos destinados à habitação.

O número de edifícios destinados à habitação apurado é de 63.222, o que representa uma descida de 2,7% face a 2011. Todos os concelhos viram decrescer o edificado à excepção de Ansião, que cresceu 0,9%.

Os alojamentos também diminuíram, sendo agora 71.894, menos 1,9% do que em 2011. Também aqui todos os municípios viram os números reduzir, à excepção de Ansião, que cresceu 0,8%.

De acordo com o INE, Portugal tem hoje 10.347.892 residentes, menos 214.286 do que em 2011.

Em termos censitários, a única década em que se verificou um decréscimo populacional foi entre 1960 e 1970.

A população residente em 2021 tem um valor próximo do registado em 2001, quando residiam em Portugal 10.356.117 pessoas.


  • Director: Lino Vinhal
  • Director-Adjunto: Luís Carlos Melo

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Armazém D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Site optimizado para as versões do Internet Explorer iguais ou superiores a 9, Google Chrome e Firefox

Powered by DIGITAL RM