21 de Outubro de 2020 | Quinzenário Regional | Diário Online
PUBLICIDADE

Alvaiázere: Pussos São Pedro quer dar “resposta digna” aos idosos

26 de Setembro 2020

A conclusão da Estrutura Residencial para Idosos, obra que o Centro Cultural Recreativo e Social da Freguesia de Pussos, nos Cabaços, tem em marcha, é considerada “urgente” pela presidente da Junta local, “para que possamos dar resposta e acolher com dignidade a nossa população sénior”.

Em entrevista ao TERRAS DE SICÓ, a um ano do final do actual mandato autárquico, Clara Pacheco afirma a disponibilidade da Junta de Freguesia de Pussos São Pedro para “ajudar da forma que lhe for possível” ao termo de “uma obra essencial” num território com uma população “maioritariamente idosa”, que precisa de usufruir de estruturas adequadas à sua faixa etária.

A  freguesia de Pussos São Pedro foi constituída em 2013 no âmbito da reforma administrativa nacional pela agregação da freguesia de Pussos com a de Rego da Murta, e é uma das cinco do concelho de Alvaiázere.

“Da união destas duas freguesias resultou um território muito mais extenso e como consequência mais complexo de gerir e com necessidades redobradas para que seja possível proporcionar à comunidade bem-estar social”, salienta a autarca.

Admitindo que nos últimos meses a covid-19 fez parar com muitas das actividades e projectos delineados, Clara Pacheco realça o esforço empreendido desde o início do mandato para se conseguir “uma maior união entre as comunidades das duas antigas freguesias”, espelhada na realização de uma só marcha dos santos populares, quando antes existiam duas distintas.

Apoio na pandemia

“Durante o período mais agudo da pandemia, a Junta Freguesia de Pussos São Pedro esteve sempre disponível e ao lado dos mais idosos e carentes disponibilizando os seus serviços e funcionários para ajudar na execução de tarefas que fossem necessárias”, sublinha a autarca, apontando ainda “a redução das rendas dos nossos espaços alugados durante a fase mais crítica a quem manteve o comércio a funcionar e suspendemos aos que tiveram de encerrar”.

A requalificação e ampliação das instalações da Junta, onde funciona também em simultâneo o posto de Correios e o Espaço do Cidadão, funcionando num horário contínuo das 9h00 às 17h30, para “optimizar os serviços prestados à população.

Entre outros projectos, actividades e obras executadas, a autarca destaca ainda a criação do site da freguesia na internet, o alargamento do quadro de pessoal da Junta e a integração dos trabalhadores precários, o calcetamento do espaço exterior do cemitério de São Pedro, a limpeza e manutenção de estradas e valetas, e a higienização das ruas e locais públicos, porque “faz parte da preservação da saúde de todos nós e é uma das minhas bandeiras que procuro defender”. “Também a diversão e cultura fazem parte do nosso desempenho, e menciono as actividades lúdicas do Carnaval, do São João, do São Pedro, do Cantar dos Reis, o concurso de montras de Natal e a participação noutros eventos em parceria com a Câmara Municipal”, recorda a autarca.

Segundo Clara Pacheco, além da requalificação ainda em falta nalgumas redes viárias, que “aguardamos a breve prazo a execução das obras”, o executivo da Junta espera que haja condições económicas e sanitárias para a construção ainda neste mandato de um edifício multifuncional para armazém, recolha de viaturas, refeitório, vestiário e instalações sanitárias para os funcionários”.

“A remodelação da arquitectura e iluminação das praças dos Cabaços estão presentes nos nossos projectos. É arrojado mas vamos tentar”, assegura a autarca, lembrando que “projectos e necessidades não faltam”, porém, “o pacote financeiro é reduzido e o orçamento não permite grandes voos”.

À pergunta se está satisfeita com o trabalho realizado, Clara Pacheco recorda que o ser humano “é por natureza insatisfeito”. “Tudo o que fizemos durante este tempo foi com empenho, satisfação e na intenção de prestarmos um serviço útil aos nossos fregueses, mas na verdade há muita coisa que gostaria ainda de fazer”, conclui.

[NOTÍCIA DA EDIÇÃO IMPRESSA]


  • Director: Lino Vinhal
  • Director-Adjunto: Luís Carlos Melo

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Armazém D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Site optimizado para as versões do Internet Explorer iguais ou superiores a 9, Google Chrome e Firefox

Powered by DIGITAL RM

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com