29 de Fevereiro de 2024 | Quinzenário Regional | Diário Online
PUBLICIDADE

Solidariedade é palavra de ordem no Lions Clube de Alvaiázere

30 de Novembro 2018

“Ajudar quem precisa numa onda de solidariedade e proximidade”. Este é o objectivo primordial do Lions Clube de Alvaiázere, que tem apenas dois meses, porém está bem consciente do que pretende: “juntar esforços para ser solidário”. E, apesar de ser ainda muito precoce, já começou a trabalhar em dois projectos. Todavia, não tem pressa, pois “queremos ir devagar para chegar longe”.

“A ideia já vinha a germinar há alguns anos, mas só há cerca de seis meses é que começámos paulatinamente a desenvolver esforços para formar o Lions Clube de Alvaiázere”, contou ao TERRAS DE SICÓ o presidente da direcção, Agostinho Gomes, salientando que o desafio partiu de “um ilustre e humilde alvaiazerense que faz parte do Lions Clube de Amadora”.

Contudo, a história do Lions Clube de Alvaiázere teve início apenas a 30 de Setembro de 2018, data em que foi entregue a carta constitutiva que marcou a fundação e o arranque desta associação. Passados dois meses, “temos dois projectos onde centramos a nossa actividade, mas dentro das nossas possibilidades queremos colaborar em todas as situações de emergência”.

A recolha de óculos graduados usados e o ensino da língua portuguesa à comunidade estrangeira fixada no concelho são os projectos delineados para esta fase de arranque, porém o Clube não quer resumir a sua actividade a estas iniciativas.

“O Lions Clube de Alvaiázere pretende estar onde houver problemas, quer de uma forma mais sustentada, quer de uma forma imediata”, frisa Agostinho Gomes, evidenciando que “a nossa vocação não é fazer caridade, mas colaborar na medida do possível”, contribuindo para a “melhoria da qualidade de vida das pessoas mais vulneráveis”.

“Obviamente que não podemos fazer milagres, mas estamos aqui para ajudar, para dar um pouco de nós”, reiterou aquele dirigente, certo de que “sozinho ninguém faz nada, mas todos juntos podemos fazer muito”. Por isso, “iremos estar atentos e sempre que for possível iremos lançar campanhas com fim solidário em sintonia com o Lions Clube Internacional”.

Por enquanto, “somos 20 elementos, todos alvaiazerenses e dispostos a trabalhar, embora o grupo possa ser alargado a outras pessoas que se queiram associar a este projecto”, que “pode extravasar o território de Alvaiázere”.

 

Doar óculos usados para ajudar quem precisa

O que fazer aos óculos graduados quando deixamos de os utilizar? Muitas vezes ficam perdidos no fundo de uma gaveta sem qualquer utilidade. Ora com vista a aproveitar um bem desnecessário em prol das pessoas carenciadas, o Lions Clube de Alvaiázere lançou uma campanha de recolha de óculos usados, que pretende dar resposta àqueles que não têm possibilidade para os comprar.

Assim, o Lions Clube de Alvaiázere colocou pontos de recolha nas farmácias e ópticas do concelho, onde podem ser depositados os óculos graduados usados. Após terminar a campanha, que está no terreno até ao próximo mês de Março, o Lions Clube de Alvaiázere vai promover “um rastreio escolar para perceber as crianças que efectivamente têm dificuldades de visão e não têm capacidade financeira para adquirir os óculos”, explicou Agostinho Gomes, reiterando que “a identificação dessas necessidades será feita por uma equipa médica que irá ao terreno avaliar as dificuldades específicas da criança e, mediante prescrição médica, o Lions suportará o custo dos óculos a duas crianças necessitadas”.

A falta de diagnóstico e o uso indevido de óculos é mais preocupante nas crianças, onde uma ausência de correcção pode significar defeitos permanentes na visão e contribuir para o insucesso escolar. Por isso, a campanha pretende “beneficiar especialmente crianças em idade escolar, com algumas dificuldades de visão, mas que devido à sua condição mais preocupante e vulnerável ao nível financeiro, o seu agregado familiar não tem possibilidades de adquirir um instrumento tão importante como são os óculos”, sublinhou.

CARINA GONÇALVES


  • Director: Lino Vinhal
  • Director-Adjunto: Luís Carlos Melo

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Armazém D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Site optimizado para as versões do Internet Explorer iguais ou superiores a 9, Google Chrome e Firefox

Powered by DIGITAL RM