29 de Fevereiro de 2024 | Quinzenário Regional | Diário Online
PUBLICIDADE

PCP de Leiria exige requalificação no IC8

27 de Setembro 2018

O PCP considerou hoje “criminoso” e “incompreensível” que o Itinerário Complementar 8 (IC8) continue sem obras de requalificação face a uma “tendência continuada de alta sinistralidade” nesta via.

“É incompreensível e mesmo criminoso que, face a uma tendência continuada de alta sinistralidade nesta via, o Governo e a Infraestruturas de Portugal considerem que o estado e perfil daquela via são os adequados e desvalorizem os acidentes ocorridos”, refere em comunicado a Direcção da Organização Regional de Leiria (Dorlei) do PCP.

Na mesma nota, o PCP sublinha que “a tragédia ora ocorrida demonstra que não pode haver mais tempo a perder na necessária requalificação do IC8” e exige ao Governo que tome “todas as medidas e garanta os recursos necessários para uma intervenção urgente”, dando sequência às recomendações aprovadas pela Assembleia da República.

O PCP recorda que o IC8 foi “palco de mais um acidente rodoviário que roubou a vida a seis pessoas”.

Expressando o seu “profundo pesar e sentimentos de solidariedade para com as famílias e amigos das vítimas”, a Dorlei considerou que as dez vítimas mortais de acidentes rodoviários nesta via rodoviária só no ano de 2018 “tem como responsáveis os sucessivos governos do PSD, CDS e PS que, ao longo dos anos, se têm recusado a proceder à requalificação do IC8”.

“De há muitos anos a esta parte que o PCP se bate pelo combate à sinistralidade no IC8 e à sua requalificação, quer através de posições políticas, quer com propostas fundamentadas em sede dos orçamentos do Estado/planos de investimento e desenvolvimento da administração central (PIDDAC)”.

A Resolução Política aprovada pela 10.ª Assembleia de Organização Regional de Leiria, realizada em Abril, “identifica como um dos investimentos prioritários em infraestruturas do distrito a melhoria, desnivelamento de cruzamentos e duplicação de vias na rede viária de acesso ao interior do distrito (IC8) assim como a sua ligação à A23”.

A Dorlei informou ainda que a “Comissão Concelhia de Ansião do PCP, em nota emitida no dia 11 de Julho, insistiu na urgente necessidade de uma abordagem séria à questão da sinistralidade no IC8, que só será consequente se resultar em medidas que há muito o PCP reivindica, nomeadamente a duplicação de vias e o desnivelamento de cruzamentos”.

Na mesma nota, o PCP denuncia as “responsabilidades do PSD que agora surge indignado com mais esta tragédia, tentando fazer esquecer as suas responsabilidades no traçado e perfil do IC8, na não conclusão deste itinerário ao longo dos anos, e nas insuficientes e desadequadas intervenções nesta via (nomeadamente em 2012 e 2013) que contornaram a questão de fundo: a transformação do perfil desta via”.

Para o PCP, as palavras do PS “sobre o investimento no desenvolvimento do interior do país traduzem-se em inacção e, neste caso em particular, na recusa em intervir de forma decidida e definitiva na requalificação de uma via rodoviária estruturante para o desenvolvimento do norte do distrito de Leiria, nomeadamente do Pinhal Interior Norte”.

Na segunda-feira, morreram seis pessoas num acidente que envolveu duas viaturas de mercadorias no IC8 em São João da Ribeira, Pombal.

LUSA


  • Director: Lino Vinhal
  • Director-Adjunto: Luís Carlos Melo

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Armazém D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Site optimizado para as versões do Internet Explorer iguais ou superiores a 9, Google Chrome e Firefox

Powered by DIGITAL RM