28 de Novembro de 2022 | Quinzenário Regional | Diário Online
PUBLICIDADE

Queima das Fitas de Coimbra arranca hoje com serenata e sem garraiada

3 de Maio 2018

A Queima das Fitas de Coimbra arranca hoje com a serenata monumental na Sé Velha, por volta das 00h00, numa edição mais amiga do ambiente e sem a realização da garraiada.

A serenata chegou a estar em risco, com a Secção de Fado a criticar a falta de apoio financeiro e fracas condições para os seus grupos, mas a situação acabou por ser resolvida e o momento inaugural da festa dos estudantes de Coimbra vai realizar-se hoje, como é hábito, na Sé Velha.

As noites de concertos na Praça da Canção arrancam na sexta-feira e estendem-se até dia 11, passando pelo palco nomes como Seu Jorge (dia 4), Xutos e Pontapés (5), Mundo Segundo com Sam The Kid (7) e Daniela Mercury (11). No Palco RUC (Rádio Universidade de Coimbra), passam nomes como Nídia, Oshun, Zanias e Scúru Fitchádu, nos quatro primeiros dias da festa.

Este ano, a Queima das Fitas vai ser a primeira sem garraiada, que foi retirada do programa oficial depois de mais de 70 por cento dos estudantes terem decidido acabar com este evento, em referendo realizado em Março.

Para além disso, na Praça da Canção, pela primeira vez, vai haver copos reutilizáveis de forma a combater o desperdício (eram gastos por edição entre 300 e 350.000 copos descartáveis), anunciou o secretário-geral da comissão organizadora, Manuel Lourenço.

Já no cortejo, que decorre no domingo, vão ser colocados sanitários ao longo do percurso e colocadas mensagens e faixas a apelar a uma consumo mais responsável e sem desperdício, para combater a tradição recente de banhos de cerveja entre estudantes.

A edição deste ano da festa da Queima das Fitas está orçada em 980.000 euros, menos 250.000 do que na edição anterior, o que levou a “alguma ginástica na programação”, esclareceu Manuel Lourenço.

Este ano, os estudantes bolseiros vão ter um desconto na compra do bilhete geral e o número de convites distribuídos pela organização é reduzido em “mais de 50% por cento”, afirmou.

LUSA


  • Director: Lino Vinhal
  • Director-Adjunto: Luís Carlos Melo

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Armazém D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Site optimizado para as versões do Internet Explorer iguais ou superiores a 9, Google Chrome e Firefox

Powered by DIGITAL RM