7 de Dezembro de 2022 | Quinzenário Regional | Diário Online
PUBLICIDADE

Expoempresas, em Condeixa, premiou empreendedorismo jovem

28 de Maio 2018

Mais de 550 alunos participaram no passado sábado a Expo|Empresas, Artes e Ofícios, em em Condeixa, numa iniciativa da CIM Região de Coimbra, com o apoio do Município local.

Nas finais intermunicipais, em que participaram turmas do 2.º e 3.º ciclos  provenientes dos vários municípios da Região, foram apresentados os projectos desenvolvidos durante o ano lectivo. Cada turma  teve um stand à disposição, num total de 15 turmas, do 2.º ciclo de ensino básico, e 16 turmas do 3.º ciclo do ensino básico.

No concurso do 2.ª ciclo venceu a turma 6.ºD, da AE de Montemor-o-Velho, com o projecto “Teares do Mondego”, orientado pela professora Ana Filomena Jacob, que promove a arte da tecelagem, através da dinamização de workshops, compondo músicas e criando artigos de mobiliário, calçado, artigos lúdicos e bolsas solidárias.

O 2.º lugar foi atribuído pelo júri, constituído por João Amaral, do CEARTE, César Henriques, Ecoexperience, e Miguel Pessoa, do Museu Monográfico de Conimbriga, ao projecto “Um Mundo de Doçuras” da turma 6.º F, da EB n.º 2 de Condeixa, orientado pela docente Regina Pimentel, que consiste na produção inovadora de um doce típico do concelho de Condeixa, a escarpiada, alterando algumas das suas características, tamanho, ingredientes e apresentação.

O 3.º lugar neste nível de ensino foi alcançado pelo 5.º D da EB2 de Mira, com o projecto “O Delírio de Miúdos e Graúdos”, orientado pela professora Fernanda Paula Silva, que assume a renovação de um doce típico, divulgando-o de forma inovadora. As conhecidas “Chuchas” ganharam uma nova embalagem, com elementos simbólicos da região e provérbios tradicionais.

No concurso reservado ao 3.º Ciclo, o júri constituído por Helena Sequeira, da CCDRC, Jessica Lopes, do IPC, e o Chefe Flávio Silva, atribuíram o 1.º lugar ao projecto “20coMEL”, do 9.º B da AE Vila Nova de Poiares, orientado por Ana Silva, que levou à criação de um gelado endógeno e regional, saudável e natural, alusivo a Vila Nova de Poiares.

No 2.º lugar, ficou o projecto “GATS”, do Clube da EB 2.3 João de Barros, na Figueira da Foz, sob orientação das professoras Adélia Matos e Fátima Lopes, que consiste no desenvolvimento de materiais didácticos de apoio ao processo de ensino-aprendizagem, adaptados aos sistema educativo português. O primeiro produto apresentado foi o “SmartBarros”, que visa o apoio à leccionação de actividades de substituição no 8.º ano da escolaridade.

Quanto ao 3.º lugar, o júri decidiu atribui-lo à turma 7.º A da AE de Mira, pelo projecto “CosMira”, orientado pelo docente Carlos Seabra e que consiste na produção de produtos de cosmética com base em matérias-primas da região de Mira, tendo como principal objectivos proporcionar bem-estar e divulgar a região.

O programa da Expo|Empresas, Artes e Ofícios incluiu uma acção de sensibilização sobre as florestas, com o apoio da Autoridade Nacional de Protecção Civil, Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas, Guarda Nacional Republicana, Corporação de Bombeiros e Gabinete Técnico Florestal de Condeixa.

Este evento é enquadrado no projecto “Promoção do Espírito Empresarial da Região de Coimbra” e é co-financiado pelo Programa Operacional Regional Centro 2020 e pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER).

(Na foto, alunos da turma 6.º F, da EB n.º 2 de Condeixa)


  • Director: Lino Vinhal
  • Director-Adjunto: Luís Carlos Melo

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Armazém D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Site optimizado para as versões do Internet Explorer iguais ou superiores a 9, Google Chrome e Firefox

Powered by DIGITAL RM