4 de Dezembro de 2022 | Quinzenário Regional | Diário Online
PUBLICIDADE

Arnaut: “Um exemplo para toda a gente”, afirma autarca de Penela

21 de Maio 2018

A morte de António Arnaut, hoje, aos 82 anos, representa para Luís Matias, presidente da Câmara de Penela, a perda de “um amigo e de um homem bom”.

O autarca afirmou ao TERRAS DE SICÓ tratar-se de uma pessoa cujo “trabalho e personalidade deve ser um exemplo para toda a gente”.

“Era uma pessoa de princípios, causas e valores e que merece ser reconhecido por isso”, sublinhou Luís Matias, numa curta declaração.

António Arnaut, advogado, poeta, escritor e político, era natural da Cumeeira, no concelho de Penela, município que em 2016 atribuiu o seu nome à Biblioteca Municipal, num gesto de “homenagem ao homem e ao seu percurso de vida, à sua missão cívica na defesa da liberdade e na melhoria da qualidade de vida dos portugueses”, segundo adiantou então o presidente da Câmara.

PS de luto

O secretário-geral socialista, António Costa, também já reagiu à morte do presidente honorário do PS, considerando que Arnaut será recordado para a “eternidade” como “o pai” do Serviço Nacional de Saúde (SNS), resistente à ditadura e militante socialista “honrado”.

Costa decretou luto partidário, com a bandeira socialista a meia haste em todas as sedes deste partido.

“O PS está de luto com o falecimento de António Arnaut, nosso presidente honorário. Fundador do PS, militante dedicado, honrou-nos como deputado à Assembleia Constituinte e à Assembleia da República e como governante”, referiu António Costa, aqui numa primeira alusão às funções que este destacado advogado de Penela desempenhou como ministro dos Assuntos Sociais no II Governo Constitucional liderado por Mário Soares.

De acordo com António Costa, “para sempre” o nome de António Arnaut “será indissociável da concepção e criação do Serviço Nacional de Saúde, grande conquista do Portugal de Abril”.

Por seu lado, o ex-candidato presidencial Manuel Alegre considera que António Arnaut foi o socialista mais genuíno que conheceu, adiantando que a melhor homenagem que lhe pode ser feita é “salvar o Serviço Nacional de Saúde”.


  • Director: Lino Vinhal
  • Director-Adjunto: Luís Carlos Melo

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Armazém D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Site optimizado para as versões do Internet Explorer iguais ou superiores a 9, Google Chrome e Firefox

Powered by DIGITAL RM