28 de Novembro de 2022 | Quinzenário Regional | Diário Online
PUBLICIDADE

Concurso recolhe ideias para preservação da villa romana do Rabaçal

20 de Abril 2018

A Câmara Municipal de Penela quer ter em bom andamento até ao final do ano o projecto de protecção da villa romana do Rabaçal, que passará pela cobertura daquela estação arqueológica ou protecção dos mosaicos.

Nesse sentido, vai lançar um concurso público internacional com o fim de acolher a melhor proposta para a concretização do desiderato, sendo o mesmo apresentado no próximo dia 29, no decorrer do Mercado do Queijo e dos Romanos, no Rabaçal.

“Queremos valorizar e conservar o património da villa romana, e para isso vamos desenvolver com a Secção Regional Norte da Ordem dos Arquitectos um concurso internacional para propostas de cobertura ou métodos de conservação do sítio arqueológico, particularmente dos mosaicos”, adiantou ao TERRAS DE SICÓ o autarca Luís Matias.

Segundo o edil, “procurámos abrir este programa à comunidade internacional para que possamos ser conhecedores de algumas propostas, para não afunilarmos num ou noutro conceito. Queremos conhecer as melhores formas de casar a funcionalidade da visitação e da observação dos mosaicos com aquilo que devem ser também a condições de conservação e restauro dos mesmos”, explicou. O projecto numa fase inicial terá apenas financiamento municipal.

Mercado do Queijo e dos Romanos

As previsões meteorológicas que apontam para instabilidade do tempo não deixam outra alternativa que não seja realizar mais uma edição do Mercado do Queijo e dos Romanos num espaço coberto. Assim, a autarquia, que promove o evento (em parceria com a União de Freguesias de São Miguel, Santa Eufémia e Rabaçal e Associação de Produtores Rabaçal), providenciou que o mesmo decorra no interior de uma tenda gigante, à semelhança do ano transacto, em vez de na estação arqueológica como era pretensão dos organizadores.

Promover dois recursos “muito importantes, distintivos e diferenciadores do território, de natureza cultural, como a villa romana e o queijo Rabaçal, um produto de excelência não só de Penela, mas de toda a região de Sicó” é o objectivo do certame do próximo dia 29.

O “maior queijo Rabaçal do mundo”, confeccionado com cerca de 500 litros de leite, será uma das atracções da feira, onde os vários expositores não deixarão faltar os produtos endógenos.

As VI Jornadas de Lacticínios, que este ano abordarão os desafios actuais da pecuária e o caderno de especificações DOP Queijo Rabaçal, terão início pelas 10h00, seguindo-se a apresentação do concurso internacional referido anteriormente.

Para as 12h00 e 15h00 estão programadas recriações históricas ligadas aos romanos, e pelas 16h00 terá início o tradicional Festival de Folclore do Rabaçal, já na 18.ª edição.

Uma caminhada pela “rota do queijo” (09h00), um mercado de agricultura tradicional e familiar, visitas guiadas ao museu e estação arqueológica, oficinas infantis e artesanato são outras componentes do certame que, segundo Luís Matias, tem agradado a expositores e visitantes.

“É um modelo que não está esgotado e que procuramos melhorar em cada ano com aquilo que é a dinâmica cultural e a promoção dos produtos locais, associando ao queijo, o vinho, mel, entre outros, muito próprios e específicos destas Terras de Sicó”, realça o presidente da Câmara de Penela.

LCM


  • Director: Lino Vinhal
  • Director-Adjunto: Luís Carlos Melo

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Armazém D Eiras - Coimbra 3020-430 Coimbra

Site optimizado para as versões do Internet Explorer iguais ou superiores a 9, Google Chrome e Firefox

Powered by DIGITAL RM